Extrair dados do Salesforce para o Tableau CRM

Objetivos de aprendizagem

Após concluir esta unidade, você estará apto a:
  • Explicar o conceito de fluxo de dados.
  • Criar um conjunto de dados com dados do Salesforce usando o criador de conjunto de dados e o fluxo de dados.
  • Monitorar o fluxo de dados e verificar um novo conjunto de dados.

Visão geral da extração de dados do Salesforce

Você acabou de dar o primeiro passo para colocar os dados necessários no Tableau CRM para a equipe de liderança de vendas. Ela quer apresentar seus resultados de desempenho quando se reunir com a nova CEO. Mas os dados de CSV são apenas uma pequena parte do que precisam. A maioria dos dados que interessam já está no Salesforce, nos objetos Oportunidade, Conta e Usuário. Traga esses dados do Salesforce para o Tableau CRM.

Veja onde você está na jornada de dados.

Mapa da jornada de dados com o processo de extração de dados do Salesforce em destaque

Diga olá ao Fluxo de dados

O fluxo de dados é usado para extrair dados de objetos do Salesforce. O fluxo de dados é um conjunto de instruções em JSON (JavaScript Object Notation) que é executado para extrair dados e criar conjuntos de dados. Essas instruções especificam os objetos e campos dos quais você quer extrair dados e os nomes dos conjuntos de dados que quer criar. O fluxo de dados também tem outros usos, como a união de dados, mas por enquanto nos concentraremos nas habilidades de extração.

Talvez você esteja pensando: “JSON, eca! Temos que programar?”. A boa notícia é que você não precisa realmente conhecer JSON. O Tableau CRM tem ferramentas que programam essas instruções por você, e você vai usar uma delas.

Um fluxo de dados não é de uso único. É possível usá-lo para criar vários conjuntos de dados de vários objetos diferentes ao mesmo tempo. Você também pode agendá-lo para ser executado regularmente e manter os conjuntos de dados atualizados. Já que existe a possibilidade de o fluxo de dados já estar em uso, é bom criar um backup antes de adicionar novas instruções. O fluxo de dados em sua organização Developer Edition ainda não está em uso, mas vamos criar um backup de qualquer maneira para ver como é feito.

  1. No Tableau CRM, clique no ícone de engrenagem ( Ícone de engrenagem ) e clique em Gerenciador de dados. O gerenciador de dados abre em uma nova guia do navegador.
  2. No gerenciador de dados, clique na guia Fluxos de dados e receitas.
  3. À direita do Fluxo de dados do Salesforce padrão, clique em Botão do menu Fluxo de dados no gerenciador de dados e selecione Executar agora. Esta opção executa o fluxo de dados.Exibição do fluxo de dados de monitoramento
  4. Clique em Monitorar para verificar o progresso da execução do fluxo de dados. A execução do fluxo de dados padrão do Salesforce falhou. Com base na mensagem de erro, a sincronização de dados não extraiu novos dados do Salesforce para o Tableau CRM. Vamos sincronizar manualmente os dados.
    1. Clique na guia Conectar
    2. À direita da conexão SFDC_LOCAL, clique em Botão do menu Fluxo de dados no gerenciador de dados e selecione Executar agora. A opção executa a sincronização de dados para toda a conexão, transmitindo dados para todos os objetos listados de sua organização local do Salesforce para o Tableau CRM.
    3. Clique na guia Monitorar para rastrear o andamento da sincronização de dados. Atualize a lista até que todos os objetos sincronizem com uma mensagem de status bem-sucedida. Agora há uma nova cópia dos dados do objeto Salesforce no Tableau CRM para ser utilizada pelo fluxo de dados. Voltemos então para o fluxo de dados!
  5. Clique na guia Fluxos de dados e receitas .
  6. À direita do Fluxo de dados do Salesforce padrão, clique em Botão do menu Fluxo de dados no gerenciador de dados e selecione Executar agora.
  7. Depois que a execução do fluxo de dados for concluída, clique em Botão do menu Fluxo de dados no gerenciador de dados novamente e selecione Baixar.
  8. Salve o arquivo JSON localmente e mantenha-o como backup de seu fluxo de dados existente. Para voltar a essa versão do fluxo de dados mais tarde, repita essas etapas e escolha Carregar na etapa 3.
  9. Clique no ícone de engrenagem (Ícone de engrenagem) e clique em Analytics Studio.

Criar um conjunto de dados com o Criador de conjunto de dados

Criador de conjunto de dados: soa como algo que cria conjuntos de dados, não é? Bem, mais ou menos. Na verdade, o criador de conjunto de dados gera as instruções JSON necessárias para criar um conjunto de dados e adiciona as instruções a seu fluxo de dados. O fluxo de dados é que realmente faz a criação.

Antes de usar o criador de conjunto de dados, considere como os objetos Salesforce que você está extraindo estão relacionados. Como administrador do Salesforce, você sabe que as oportunidades têm relacionamento de pesquisa com contas e usuários. Ao criar registros de oportunidade no Salesforce, você está inserindo valores de campo de oportunidade; também está “pesquisando” valores de campo nos registros de conta e usuário relacionados.

Relacionamentos de objeto
Registro de oportunidade

A criação do conjunto de dados é algo semelhante, mas em vez de registros, você cria linhas. Para ajudá-lo, o Tableau CRM primeiro pede o objeto raiz. Ele é simplesmente o objeto no nível mais baixo da hierarquia de objetos que você está extraindo. Em nosso caso, o objeto Oportunidade é o objeto raiz. No conjunto de dados, só é possível incluir objetos relacionados acima do objeto raiz. Por exemplo, se você selecionar Conta como o objeto raiz, poderá incluir objetos relacionados como Usuário e Conta pai, mas não Oportunidade porque ela fica abaixo.

Nota

Nota

Os geeks de dados se referem à raiz como a medida de um conjunto de dados, a unidade de dados em cada linha. Em nosso conjunto de dados, cada linha é uma oportunidade, ou seja, o registro de oportunidade é a medida. Esse conceito é importante quando reunimos dados de fontes diferentes, como você verá mais tarde.

  1. No Analytics Studio, clique em Criar e selecione Conjunto de dados.
  2. Clique em Dados do Salesforce.
  3. Insira o nome do conjunto de dados. Escolha um nome bem descritivo para que outras pessoas entendam o que você criou. Nomeie esse conjunto de dados como Opportunities_with_Accounts_and_Users.
  4. Na lista de opções Selecionar fluxo de dados..., selecione Fluxo de dados padrão do Salesforce. O fluxo de dados selecionado aqui criará o conjunto de dados para você. Se sua organização tem mais de um fluxo de dados, você pode escolher o que deseja usar.
  5. Clique em Avançar. Você vê o criador de conjunto de dados com uma lista de objetos do Salesforce. O objeto selecionado aqui é o objeto raiz.
  6. Na caixa de pesquisa Escolher um objeto do Salesforce para começar, insira opo. A lista mostrará objetos correspondentes.
  7. Na lista de objetos, clique em Oportunidade. O objeto raiz selecionado aparece na tela do criador de conjunto de dados.
  8. Passe o mouse sobre o objeto e clique no sinal de adição (+). Objeto raiz Oportunidade Você vê uma lista dos campos do objeto.
  9. Clique para selecionar cada campo necessário. Se não conseguir ver um campo, comece a inserir o nome na caixa de pesquisa Pesquisar por nome ou metadados a fim de filtrar a lista. Selecione estes campos:
    1. Valor
    2. Data de fechamento
    3. Data de criação
    4. Nome
    5. Fase
  10. Por padrão, os campos são listados em ordem alfabética por nome. Para inverter a ordem, clique no cabeçalho da coluna NOME ou, para ordenar por tipo de campo, clique no cabeçalho da coluna TIPO.
  11. Para abrir uma lista de objetos relativos a seu objeto raiz, clique na guia Relacionamentos no início da lista de campos. É aqui que você pode escolher os campos necessários dos usuários e das contas relacionadas. Selecionar relacionamentos Lembre-se, somente objetos relacionados acima do objeto raiz estão disponíveis aqui. Se você selecionar um objeto raiz diferente, verá uma lista de objetos relacionados diferente.
  12. Na frente do relacionamento ID de conta, clique em Juntar. Você vê o objeto Conta na tela do criador de conjunto de dados. Relacionamento de conta
  13. Na frente do relacionamento ID de proprietário, clique em Juntar. Você vê o objeto Usuário na tela.

A próxima etapa é escolher os campos que deseja de cada um dos objetos relacionados.

  1. Para abrir uma lista de campos de conta, passe o cursor do mouse sobre o objeto Conta e clique no sinal de adição (+). Objetos relacionados no criador de conjunto de dados
  2. Selecione estes campos:
    1. Nome da conta
    2. Cidade de cobrança
    3. País de cobrança
    4. Setor
    5. Código SIC
  3. Observe a guia Relacionamentos no início da lista de campos. Use-a se quiser incluir campos de objetos relacionados ao objeto Conta, como Conta pai.
  4. Para ocultar a lista de campos, clique em Fechar cruzamento de lista de campos à direita do objeto Conta.
  5. Repita as etapas de 1 a 4 para escolher esses campos do objeto Usuário:
    1. Nome completo
    2. Título

Vamos recapitular o que você fez aqui rapidamente. Você escolheu o objeto raiz, a oportunidade e os campos necessários. Também escolheu os objetos relacionados Conta e Usuário e os campos necessários destes. Quando você cria um conjunto de dados, cada linha representa uma oportunidade, com campos dos registros de conta e usuário proprietário relacionados.

Linha de oportunidade

Vamos concluir adicionando essas instruções ao fluxo de dados e criando o conjunto de dados.

  1. Clique em Avançar. O fluxo de dados selecionado anteriormente é aberto no editor de fluxo de dados em segundo plano. Veja que as instruções de criação do conjunto de dados aparecem como caixas, ou “nós”, no editor.
  2. Na lista de opções Selecionar um aplicativo para seu conjunto de dados, selecione Conjuntos de dados de desempenho de vendas. É possível editar o fluxo de dados aqui para fazer ajustes, mas o seu já está pronto.
  3. Clique em Criar conjunto de dados. Se tudo correr bem, você verá um notificação de que o conjunto de dados foi enfileirado para criação. Nos bastidores, o Tableau CRM executa o fluxo de dados para criar o conjunto de dados.
  4. Clique no link Acessar o monitor de dados para vermos como o fluxo de dados está funcionando.

Monitorar o fluxo de dados e verificar o novo conjunto de dados

  1. Na guia Monitorar do gerenciador de dados, clique na subguia FLUXOS DE DADOSSubguia Fluxos de dados selecionada na guia Monitorar no gerenciador de dados A subguia Fluxos de dados permite ver apenas seus trabalhos de fluxo de dados.
  2. Para atualizar a exibição, clique em Botão Atualizar no canto superior direito do monitor. O ícone de fluxo de dados mostra o status do fluxo de dados. Se tudo estiver correto, haverá uma marca de seleção e você verá “Bem-sucedido” quando passar o mouse por ele. Fluxo de dados bem-sucedido Se o status aparecer como Em fila ou Em execução, continue atualizando a exibição até o fluxo de dados ser concluído.
  3. Para ver uma lista de todas as vezes em que ele foi executado, clique no menu suspenso na frente do fluxo de dados.
  4. Clique na lista suspensa na frente da execução mais recente. Você verá uma lista de todas as instruções JSON que o fluxo de dados realizou. Nós do fluxo de dados
Agora vamos conferir o próprio conjunto de dados.
  1. À esquerda do gerenciador de dados, clique na guia Dados.
  2. À direita do conjunto de dados Opportunities_with_Accounts_and_Users, clique em Botão do menu Fluxo de dados no gerenciador de dados e selecione Explorar. Se você não vir o conjunto de dados, atualize seu navegador.
  3. À esquerda do novo lens, em Comprimento da barra, clique no botão Adicionar uma medida (+). O campo Valor da oportunidade aparece aqui como medida.
  4. Em Barras, clique no botão Adicionar um grupo (+). A Data de criação e a Data de fechamento estão disponíveis aqui para agrupamento, além de todos os outros campos de dimensão que você selecionou no criador de conjunto de dados.

Agendar o fluxo de dados

Quando você cria um conjunto de dados com o criador de conjunto de dados, o Tableau CRM executa o fluxo de dados para você na primeira vez. Depois disso, você pode iniciar o fluxo de dados manualmente ou agendá-lo para ser executado regularmente. O agendamento é uma ótima maneira de manter o conjunto de dados atualizado com os dados mais recentes de seus objetos do Salesforce.

  1. No gerenciador de dados, clique na guia Fluxos de dados e receitas.
  2. À direita do Fluxo de dados do Salesforce padrão, clique em Botão do menu Conjunto de dados no gerenciador de dados e selecione Agendar. As configurações de agenda do fluxo de dados aparecem. Tela de configurações de agenda do fluxo de dados
  3. Agende o fluxo de dados para ser executado a cada 24 horas à meia-noite durante os dias da semana definindo estas configurações.
    1. Agendar por: hora
    2. Início às: 00:00
    3. Executar a cada: 24 horas
    4. Selecionar dias: Seg, Ter, Qua, Qui, Sex
  4. Essa agenda faz com que seus exploradores tenham, além do café, dados fresquinhos todas as manhãs. Ela também impede que o fluxo de dados seja executado durante o horário comercial. Você não quer que seus usuários vejam diferenças nos painéis dependendo da hora do dia.
  5. Clique em Salvar.
Nota

Nota

Seu fluxo de dados extrai dados da sua organização sempre que é executado. O tempo de extração é curto com esse fluxo de dados simples, mas demorará mais com vários fluxos de dados complexos. Você pode agilizar seus fluxos de dados agendando a extração para ser executada previamente com sincronização de dados. Agende a sincronização na guia Conectar do gerenciamento de dados. Verifique o link com instruções em Recursos.

Ótimo trabalho! Você criou dois conjuntos de dados com sucesso. O conjunto de dados Descrições de SIC contém dados extraídos de um arquivo CSV. O conjunto de dados Opportunities_with_Accounts_and_Users tem dados extraídos de objetos em sua organização Salesforce. E você agendou um fluxo de dados para fazer com que os dados mais recentes do Salesforce estejam sempre disponíveis. A próxima etapa é unir dados desses dois conjuntos de dados. Você quer ter todos esses dados disponíveis para explorar em um único conjunto de dados. Vamos seguir para a fase de preparação dos dados!

Continue a aprender de graça!
Inscreva-se em uma conta para continuar.
O que você ganha com isso?
  • Receba recomendações personalizadas para suas metas de carreira
  • Pratique suas habilidades com desafios práticos e testes
  • Monitore e compartilhe seu progresso com os empregadores
  • Conecte-se a orientação e oportunidades de carreira