Criar o Sales Analytics usando o assistente

Objetivos de aprendizagem

Após concluir esta unidade, você saberá o seguinte:
  • Como usar o assistente de configuração para criar o aplicativo Sales Analytics.
  • Como a alteração das respostas a perguntas do assistente afeta os painéis.
  • Como usar uma abordagem leve e iterativa para criar o aplicativo de forma que ele atenda a suas necessidades de negócios.

Visão geral dos KPIs

Chegou o momento de botar a mão na massa e criar o aplicativo. No módulo Noções básicas dos aplicativos Analytics do Trailhead, você fez isso usando a opção de criação rápida Básica. Desta vez, você fará novamente com a opção Personalizado, o que significa que você experimentará o assistente de configuração integrado.

No decorrer do trabalho, lembre-se das regras de utilização do assistente que você leu no módulo Noções básicas dos aplicativos Analytics. Seu objetivo: Oferecer a Laura uma versão funcional do Sales Analytics para que ela tenha acesso rápido aos KPIs que exibem os resultados trimestrais de sua equipe.

Comece observando o que você criou no módulo Noções básicas dos aplicativos Analytics.

Faça login na organização configurada em Noções básicas dos aplicativos Analytics. No Iniciador de aplicativos (Ícone do Iniciador de aplicativos), encontre e selecione Analytics Studio.

Nota

Nota

Na primeira vez em que você abrir o Analytics Studio, a tela de boas-vindas aparecerá oferecendo recursos para ajudá-lo a começar. Você pode ignorá-la agora e abri-la mais tarde no menu de ajuda. Clique no ponto de interrogação no canto superior direito para abrir o menu e selecione Bem-vindo ao Analytics.

Nota

Nota

Pare! Se ainda não tiver concluído o módulo Noções básicas dos aplicativos Analytics, vá a ele primeiro. Nessa unidade, você se inscreve em uma organização Analytics Developer Edition especial, necessária para concluir o que falta do módulo do Sales Analytics Trailhead. Você também pode criar sua primeira versão do Sales Analytics neste módulo, que será necessário aqui. Se já tiver configurado uma organização Developer Edition para outra trilha, ela não funcionará com o Sales Analytics.


Localize Meu primeiro aplicativo Analytics na área de aplicativos da página. Clique em Executar aplicativo à direita para ver a página inicial do aplicativo.

Nota

Nota

Aviso: Não use as opções para atualizar ou redefinir seu aplicativo se elas estiverem disponíveis. Se o fizer, as alterações em painéis do Sales Analytics e os exemplos na trilha não corresponderão ao aplicativo no Developer Edition.

Lembre-se de uma das regras de utilização do assistente: “Use-o para aprimorar sua experiência de análise.” Em outras palavras, isso significa que há muitos aspectos dos painéis que você não pode alterar. Por exemplo, role pela lista de painéis, encontre o painel Visão geral executiva e abra-o. Você pode ter a certeza de que vai chamar a atenção do CEO, certo?

Painel Visão geral executiva do aplicativo Sales Wave

Não se preocupe se seus painéis parecerem um pouco diferentes dos exemplos dados aqui ou em qualquer outro lugar na trilha do Sales Analytics. Os elementos básicos dos painéis devem ser os mesmos, mesmo que os dados sejam diferentes.

O assistente não permite alterar a parte superior deste painel. Na verdade, muitos elementos do Sales Analytics não podem ser alterados pelas seleções do assistente. Lembre-se: Criamos previamente o Sales Analytics e todos os demais aplicativos do Analytics para facilitar a análise, para deixá-los prontos para usar, exigindo o mínimo de você.

Dito isto, algumas coisas estão sob seu controle através do assistente. Vamos dar uma olhada em um exemplo.

O que pode ser alterado com o assistente: um exemplo

Dê uma olhada no painel Desempenho de vendas, um dos painéis da equipe de operações de vendas. Laura pode usá-lo para ajudá-la e ajudar a equipe a entender quais clientes podem ser bons candidatos para oportunidades de upselling ou cross-selling, o que ajudará na criação de cotas. Veja como a parte superior do painel ficará:Painel Desempenho de vendas

Agora, observe o assistente.

  1. No Analytics Studio, clique em Criar no canto superior direito e selecione Aplicativo.
  2. Selecione Iniciar com modelo e clique em Criar.
  3. Role pelos modelos, encontre Sales Analytics e selecione-o. Clique em Continuar.
    Nota: Selecione Sales Analytics e não outro modelo; do contrário, pode ser que você não consiga criar um aplicativo.
  4. Na página de visualização do aplicativo, clique em Continuar.
  5. Dê tempo para que a verificação de compatibilidade seja executada. Em seguida, clique em Parece bom, avançar.
  6. Agora, em vez de Básico, que você selecionou na primeira vez em que criou o aplicativo, selecione Personalizar. Isto abrirá uma tela que lhe permite adicionar objetos a seu aplicativo. Voltaremos a isso em um minuto; por enquanto, clique em Parece bom, avançar.
  7. Selecione Meu primeiro aplicativo Analytics e clique em Continuar.

Observe as duas primeiras questões, que perguntam como você quer segmentar os clientes. O painel Desempenho de vendas usa as respostas a essas perguntas para determinar o que se coloca em alguns dos filtros na parte superior. Veja as perguntas do assistente (à esquerda) e os filtros do painel (à direita).

Nota

Nota

As perguntas no assistente que são exibidas no Developer Edition, e também a sua ordem, podem diferir ligeiramente das perguntas mostradas aqui. Atualizamos periodicamente a funcionalidade do assistente, a formulação das perguntas e explicações e, também, a ordem. Desde que você siga as instruções exibidas aqui, o Sales Analytics criará seu aplicativo com êxito.

Como as respostas do assistente afetam os painéis

Vê como as seleções do assistente Tipo de conta e Setor se tornaram filtros no painel? Os outros filtros na parte superior também podem ser mudados pelo assistente, tal como alguns filtros em outros painéis. Para ver detalhes sobre como controlar painéis com seleções do assistente, consulte o guia Painel do Sales Analytics indicado na seção de recursos no final desta unidade.

Feche o assistente com um clique no X no canto superior direito.

Criar o Sales Analytics: obter as respostas ideais do assistente

Com isso em mente, é hora de criar o aplicativo. Em Noções básicas dos aplicativos Analytics, você criou o aplicativo usando a opção Básica. O aplicativo foi criado usando as configurações padrão. É como se você tivesse executado o assistente e aceitado todos os padrões, só que você fez isso com apenas um ou dois cliques.

Desta vez, você usará a opção Personalizado para alterar as configurações padrão e usar o assistente. Para manter as coisas simples, mudaremos apenas algumas configurações. Você terá uma ideia de como o assistente funciona e de como usá-lo em sua organização. E verá que suas respostas às perguntas do assistente realmente têm importância!

Nota

Nota

Aviso: Não use as opções para atualizar ou redefinir seu aplicativo se elas estiverem disponíveis. O uso dessas opções altera os painéis do Sales Analytics e os exemplos neste módulo podem já não corresponder ao aplicativo no Developer Edition.

  1. No Analytics Studio, siga as etapas para criar o Sales Analytics novamente, como foi feito na seção anterior. Ou seja, clique em Criar, selecione Aplicativo e clique em Iniciar com modelo. Em seguida, selecione Sales Analytics e clique em Continuar duas vezes.
  2. Selecione Criar um novo aplicativo. Clique em Continuar. Após a verificação de compatibilidade, clique em Parece bom, avançar, em Personalizar e em Parece bom, avançarEscolha como você gostaria de criar a tela do Sales Wave
  3. Isto levará você à página que vimos agora há pouco que permite adicionar objetos ao aplicativo com as opções Produtos e Casos já selecionadas. Quando o Analytics executa a verificação de compatibilidade, ele procura os objetos que são exibidos nessa página. Incluímos Produtos e Casos na sua organização especial Developer Edition, mas não os demais objetos (que estão esmaecidos aqui). Você pode desmarcá-los, mas vamos deixá-los: você sabe que a DTC usa dados sobre os produtos para medir resultados. E parece ótimo visualizar os dados de casos de atendimento ao cliente com seus dados de vendas. Então, deixe-os como estão e clique em Parece bom, avançar. Na sua própria organização, você pode adicionar outros objetos ao seu aplicativo aqui, mas só queremos Produtos e Casos no nosso aplicativo de exemplo. Página adicionar objetos do Sales Wave
  4. Você verá a primeira página do assistente. Vá para a primeira pergunta, sobre o primeiro campo a ser usado para segmentar os clientes. Ele apresenta o Tipo de conta, mas você vai experimentar algo um pouco diferente: você sabe que Laura geralmente gosta de agrupar clientes de acordo com o segmento. Portanto, procure Segmento nas respostas à primeira pergunta e selecione essa opção. Deixe Setor na segunda pergunta, assim. As duas primeiras perguntas do assistente do Sales Wave
  5. Clique em Parece bom, avançar e avance para as perguntas sobre o objeto Oportunidades. Abra a lista de respostas para cada pergunta, uma por vez, e role por elas. Você deve conseguir observar que poucas das opções funcionariam. Por exemplo, a primeira pergunta é sobre a quantidade total de oportunidades e a seleção padrão é Montante. As outras possibilidades – Montante esperado, Probabilidade e Quantidade – claramente não são corretas. Esta é uma importante regra do assistente em ação: apenas algumas respostas fazem sentido.
  6. Nessa página, vá até a pergunta sobre o campo que indica que uma oportunidade é um novo negócio (não a pergunta sobre como segmentar fontes de novos negócios). Você verá que a resposta padrão é Tipo de oportunidade. Mas se você estiver confiante e quiser tentar algo diferente, selecione Origem da oportunidade.
  7. Clique em Parece bom, avançar mais algumas vezes para avançar pelo restante do assistente. Ao fazer isso, fique atento a uma pergunta que você deve conhecer: “Como você gostaria de controlar a visibilidade dos dados no Sales Analytics?” Sua resposta controla a segurança dos dados em seu aplicativo. Escolher o padrão permite que Laura e outros usuários visualizem os dados que eles possuem, além dos dados que pertencem às pessoas que trabalham para eles. Em outras palavras, ele usa a Hierarquia de papéis do Salesforce padrão na segurança de dados. Por enquanto, deixe como está, mas se precisar alterar a segurança dos dados de um aplicativo específico, é por aqui que você deve começar. Saiba mais sobre a Hierarquia de papéis do Salesforce no documento exibido na seção Recursos no final dessa unidade. Pergunta de segurança do assistente de configuração
  8. Ao chegar à caixa de diálogo Nomear seu aplicativo, digite Analytics para gerentes de vendas e clique em Criar.
Isso demora um pouco, então, tome um cafezinho, assista vídeos de gatinhos ou qualquer outra coisa que você goste de fazer para passar o tempo. Você também pode ver mais detalhes sobre o assistente na Ajuda do Salesforce. Em breve, você receberá um email informando que o fluxo de dados foi executado com êxito e que já pode ir para a próxima seção.

Atualizar dados do Analytics com o Gerenciador de dados do Trailhead

Você acabou de criar seu aplicativo do Sales Analytics. Parabéns! Chegou a hora de executar o Gerenciador de dados do Trailhead que foi apresentado no módulo Noções básicas do Analytics Apps. Essa etapa atrai os dados corretos para seu aplicativo para que você veja dados significativos exibidos nos painéis. No “mundo real”, ao criar o Sales Analytics com sua própria licença, isso nunca precisará ser feito. Então, convidamos você a prosseguir sem pensar muito nisso.
Nota

Nota

Verifique se consegue ver os painéis do aplicativo antes de executar o Gerenciador de dados do Trailhead. Para isso, basta executar o gerenciador de dados no Trailhead. Não será necessário usá-lo para configurar o Sales Analytics em sua própria organização.

  1. No Analytics Studio, vá para o seletor de aplicativos no canto superior direito e selecione Gerenciador de dados do Trailhead. Talvez seja necessário rolar para baixo até encontrá-lo. Gerenciador de dados do Trailhead no seletor de aplicativos
  2. Selecione a guia Gerenciador de dados do Trailhead próxima à parte superior da página.
  3. Na página inicial do Gerenciador de dados do Trailhead, clique em Atualizar dados DTC. Dê alguns minutos para que este processo seja concluído. Se você vir a mensagem de que seus dados estão atualizados, passe para a próxima etapa.
  4. Quando seus dados estiverem atualizados, clique no círculo Download do fluxo de dados do TrailheadDownload do fluxo de dados do Trailhead do Gerenciador de dados do Trailhead
  5. No menu suspenso, selecione Analytics_for_Sales_Managers. Se não vir seu aplicativo no menu, aguarde a conclusão do processo de criação do aplicativo.
  6. Clique no botão Download do fluxo de dados para Analytics_for_Sales_Managers_for_Trailhead. O arquivo é salvo no diretório Downloads. Ele deve se chamar Analytics_for_Sales_Managers_for_Trailhead.json.
  7. Retorne ao Analytics Studio selecionando-o no seletor de aplicativos à esquerda.
  8. Clique em Gerenciador de dados no painel esquerdo. (Você está abrindo o Gerenciador de dados do Analytics, não confunda-o com o Gerenciador de dados do Trailhead.)
  9. No Gerenciador de dados, clique em Conectar-se no painel esquerdo.
  10. Na linha SFDC_LOCAL, abra a lista suspensa ao lado de "Não agendado" e clique em Executar agora.
  11. Clique em Monitorar no painel esquerdo e aguarde a conclusão da sincronização de dados. Clique no botão Atualizar algumas vezes até que veja o status mudar de Em execução para Bem-sucedido em todos os trabalhos.
  12. Depois que todas as sincronizações de dados estiverem concluídas, clique em Fluxos de dados e receitas no painel esquerdo.
  13. Role até o Analytics para gerentes de vendas. Abra o menu do canto direito oposto ao nome do aplicativo e selecione Carregar.
  14. Clique em Selecionar um arquivo, navegue até o arquivo salvo recentemente no diretório Downloads (Analytics_for_Sales_Managers_for_Trailhead.json) e selecione-o.
  15. Clique em Abrir, clique no botão Carregar e em Concluído.
  16. Abra o menu da direita ao lado de Analytics para gerentes de vendas novamente e selecione Executar agora.
    Nota: Se você vir um Aviso em amarelo, em vez de Bem-sucedido, ignore. Isso é resultado de um problema conhecido e seu aplicativo funcionará normalmente.
  17. Agora localize o Fluxo de dados do Salesforce padrão, abra sua lista suspensa e selecione Executar agora.
  18. Por fim, localize o Analytics para gerentes de vendas eltDataflow, abra sua lista suspensa e selecione Executar agora.

Que diferença algumas respostas fazem

Agora que você atualizou os dados, volte ao Analytics e abra o painel Desempenho de vendas de seu aplicativo.
  1. Clique no seletor de aplicativos, no canto superior esquerdo, e selecione Analytics Studio.
  2. Clique em Todos os itens na coluna da esquerda e na guia Aplicativos.
  3. Clique em Analytics para gerentes de vendas para ver todos os ativos do aplicativo, incluindo painéis, lenses e conjuntos de dados.
  4. Na barra de pesquisa na parte superior, insira Desempenho de vendas. Em seguida, abra o painel Desempenho de vendas para ver como se saiu.
 O painel Desempenho por cliente do Sales Wave após alterar respostas do assistente

A primeira versão tinha os filtros Tipo de conta e Indústria mais à esquerda. A segunda versão tem os filtros Segmento e Indústria.

Apenas para ver como o painel funciona, abra o filtro Segmento para visualizar uma lista de diversos segmentos de mercado da DTC. Selecione SMB e clique em Aplicar. Agora, você pode observar apenas as contas do segmento de pequenas e médias empresas. Para voltar ao painel em seu estado original, clique no botão de reset ícone do botão de reset do Wave, acima do painel.

Agora, acesse o Meu primeiro aplicativo Analytics e abra o painel Desempenho de vendas. Abra o filtro Tipo de conta, que permite selecionar apenas entre Cliente e Parceiro.

É uma mudança sutil, mas importante. Agora, Laura pode filtrar todos os painéis de desempenho da forma que ela quer, observando todos os dados de acordo com os segmentos.

Anteriormente, os filtros ofereciam a Laura a opção de observar os clientes ou parceiros, ou seja, tipos de clientes, mas ela queria ver uma lista detalhada de clientes. O novo filtro Segmento exibe fontes de negócios discriminadas de acordo com os segmentos de mercado da DTC e é isso que Laura deseja. Legal!

Agora, vamos ver os resultados de outra alteração que você fez: Selecione Origem da oportunidade, em vez de Tipo da oportunidade. Veja os filtros mais à direita. Um deles agora é chamado de Origem da oportunidade. Retorne ao Meu primeiro aplicativo Analytics e abra o painel Desempenho de vendas. O filtro no mesmo local é chamado Tipo de oportunidade. Você pode ver a mesma mudança em todos os outros painéis de desempenho (por geografia, por origem, etc.) e outros painéis também. Uma pequena mudança fez uma diferença, não é?

Fizemos isto de forma simples de propósito, para ajudá-lo a oferecer a Laura o que ela queria e rápido. Provavelmente, quando você usar o assistente para criar seu próprio aplicativo, será preciso pensar um pouco mais e algum esforço extra. Mas você entendeu a ideia: o assistente guia você pelo processo e tenta eliminar o máximo possível da complexidade.

Limpar: excluir o primeiro aplicativo

Se estiver satisfeito com essa segunda versão, você poderá excluir Meu primeiro aplicativo Analytics e todos os outros aplicativos criados ao longo do processo.
  1. Selecione a guia Analytics Studio, localize Meu primeiro aplicativo Analytics e clique em Executar aplicativo.
  2. Selecione o ícone Clique no ícone Mais (três pontos) para excluir um aplicativo Analyticsno canto superior direito e clique em Excluir.
  3. Confirme que você deseja excluir o aplicativo.
  4. Repita esses passos para todos os outros aplicativos que possam ter sido criados, exceto Analytics para Sales Managers. Convém ter uma organização limpa com apenas um aplicativo antes de passar para a próxima unidade.
Bom trabalho. Você criou um aplicativo muito útil. Seus filtros estão funcionando perfeitamente e você tem produtos em exibição em outros painéis. É claro que esses são apenas alguns dos painéis. Você pode ver os demais painéis por conta própria para obter ideias sobre o que mudaria caso continuasse com esse processo.

Mas, por enquanto, você está satisfeito, e Laura e o CEO devem estar muito contentes! É hora de trocar o café pelo champanhe!

Mais uma coisa: sem cotas

Calma! Você decide verificar os painéis que mostram o desempenho da equipe de vendas em relação às suas cotas. Você acessa o Analytics Studio, executa seu aplicativo e abre o painel Visão geral da empresa. Mas...

Painel Visão geral da empresa sem cotas

Você consegue ver a previsão, mas não é possível ver o desempenho da equipe em relação às suas cotas! Oh, não! Você esqueceu que armazena e rastreia dados sobre as cotas da equipe de vendas em uma ferramenta fora do Salesforce. Sua bola murchou, mas não se preocupe: você aprenderá como importar os dados para o Sales Wave na próxima unidade.

Finalizar

Se voltarmos um pouco no tempo, ainda conseguimos lembrar quanto demorava para obter todos esses dados e a forma como eles eram apresentados – um conjunto de relatórios nada atraente. Mas agora que você tem o Sales Analytics, Laura e o CEO podem rapidamente obter todos os KPIs da DTC em um só lugar e ver tudo em painéis rápidos e interativos. E você chegou até lá realizando algumas execuções rápidas por meio do assistente.

Claro, você só fez isso com alguns painéis. Mas é possível ver o quão rápido e intuitivo o processo pode ser desde que você utilize uma abordagem detalhada e se lembre de algumas regras importantes ao usar o assistente de configuração.