Explore os ODS

Objetivos de aprendizagem

Após concluir esta unidade, você estará apto a:

  • Explicar o que são os objetivos de desenvolvimento sustentável (ODS).
  • Entender os princípios que regem os ODS.
  • Identificar o prazo final para os OSD.

O que são os objetivos de desenvolvimento sustentável (ODS)?

Em 2015, a Assembleia Geral das Nações Unidas apresentou 17 objetivos de desenvolvimento sustentável (ODS), também conhecidos como objetivos globais, projetados para chamar a atenção e combater a pobreza extrema, a crescente desigualdade e as mudanças climáticas que afetam as comunidades mundialmente. 

Os ODS baseiam-se nos oito objetivos de desenvolvimento do milênio (ODM), um conjunto de metas estabelecidas em 2000 com prazo final para 2015.  Enquanto os ODM cobriam menos causas e se aplicavam apenas aos países em desenvolvimento, os ODS são mais abrangentes e ambiciosos, e se aplicam universalmente a todos os 193 países que são membros da ONU. 

A seguir é apresentada uma lista dos 17 objetivos de desenvolvimento sustentável e uma breve descrição de cada um deles: 

Objetivo
Descrição
1. Combate à pobreza
Cessar todas as formas de pobreza em todos os lugares.
2. Fome zero
Combater a fome, conquistar a segurança alimentar e uma melhor nutrição, além de promover a agricultura sustentável.
3. Boa saúde e bem-estar
Garantir uma vida saudável e promover o bem-estar para todas as pessoas, de todas as faixas etárias.
4. Educação de qualidade
Garantir uma educação de qualidade inclusiva e equitativa e promover oportunidades de aprendizagem ao longo da vida para todos.
5. Igualdade de gênero
Alcançar a igualdade de gênero e capacitar todas as mulheres e meninas.
6. Água potável e saneamento
Garantir a disponibilidade e o gerenciamento sustentável de água e saneamento para todos.
7. Energia limpa e acessível
Garantir o acesso a uma energia acessível, confiável, sustentável e moderna para todos.
8. Trabalho decente e crescimento econômico
Promover crescimento econômico sustentado, inclusivo e sustentável; emprego pleno e produtivo; e condições decentes de trabalho para todos.
9. Indústria, inovação e infraestrutura
Criar uma infraestrutura resiliente, promover a industrialização inclusiva e sustentável, além de promover a inovação.
10. Desigualdades reduzidas
Reduzir a desigualdade dentro e entre países.
11. Cidades e comunidades sustentáveis
Tornar cidades e assentamentos humanos inclusivos, seguros, resilientes e sustentáveis.
12. Consumo e produção responsáveis
Garantir padrões de consumo e produção sustentáveis.
13. Ação climática
Adotar medidas urgentes para combater as mudanças climáticas e seus impactos.
14. Vida abaixo da água
Conservar e utilizar de forma sustentável os oceanos, mares e recursos marinhos para o desenvolvimento sustentável.
15. Vida na Terra
Proteger, restaurar e promover o uso sustentável dos ecossistemas terrestres; gerenciar florestas de forma sustentável; combater a desertificação; interromper e reverter a degradação da terra; e impedir a perda de biodiversidade.
16. Paz, justiça e instituições fortes
Promover sociedades pacíficas e inclusivas para o desenvolvimento sustentável; fornecer acesso à justiça para todos e criar instituições eficazes, responsáveis ​​e inclusivas em todos os níveis.
17. Parcerias para os objetivos
Fortalecer os meios de implantação e revitalizar a parceria global para o desenvolvimento sustentável.  Isso inclui compartilhamento de conhecimento, experiência, tecnologia e recursos financeiros visando apoiar a concretização dos ODS.

Os objetivos globais para o desenvolvimento sustentável são exibidos de 1 a 17

Quais são os princípios que regem os objetivos de desenvolvimento sustentável (ODS)?

Os ODS foram projetados para serem universais, integrados e inclusivos.

  1. Universais: Erradicar a pobreza extrema e construir um futuro sustentável são desafios enfrentados por todos os países.
  2. Integrados: Os ODS integram todas as três dimensões do desenvolvimento sustentável (econômica, social e ambiental) com uma consideração subjacente às pessoas, planeta, paz, prosperidade e parceria.
  3. Inclusivos: Os ODS comprometem-se a incluir todas as pessoas, o que significa que os objetivos somente são concretizados quando contemplam todos. Em outras palavras, isso significa colocar as necessidades e os interesses dos mais afastados em primeiro lugar.

Além das três qualidades listadas acima, os ODS incorporam cinco princípios básicos:

Um plano de ação unificado e unificador

Os ODS orientam governos e indivíduos em direção à ação unificada. Nosso mundo está mais inovador, conectado e em rápido crescimento do que nunca. É essencial ter uma referência para se concentrar no que realmente importa e garantir que ninguém fique para trás. O prazo final para a concretização dos OSD é o ano de 2030.

Responsabilizando os governos

Os ODS são uma maneira de responsabilizar os governos, com cada um dos 193 estados-membros da ONU concordando com a estrutura. Os cidadãos, incluindo educadores, jovens e até crianças, podem desempenhar um papel importante no monitoramento da implantação dos objetivos e pressionar os governos para garantir que os grupos mais marginalizados sejam contemplados.

Unindo o mundo

Os ODS baseiam-se no ideal de parceria. É impossível alcançá-los sem a colaboração e a participação de todos. Eles foram criados pelo povo, para o povo, através de um dos mais amplos processos de participação da história. A sociedade civil (simples interação de pessoas como você) desempenhou um papel importante na fase de elaboração dos objetivos: mais de 500.000 pessoas participaram de debates e consultas.

Universalidade

Os ODS dizem respeito a cada um de nós. A Agenda 2030 para o desenvolvimento sustentável, adotada pelos líderes mundiais em setembro de 2015 em uma cúpula histórica da ONU, demonstra que, apesar de todas as nossas diferenças culturais, econômicas e políticas, todos compartilhamos certos ideais e direitos universais. Os objetivos globais representam uma oportunidade de mudar o mundo para melhor e dependem da ação. Especificamente, dependem de ações conjuntas, sustentadas e precoces.

Acelerando juntos os objetivos de desenvolvimento sustentável

A ideia de uma abordagem colaborativa para solucionar esses desafios globais não é nova, mas agora está sendo abordada de maneira diferente. Foi registrado um aumento mundial de parcerias inovadoras entre setores para abordar os ODS. A ideia consiste em capacitar uns aos outros para concretizá-los e criar juntos um impacto coletivo mais abrangente.

Nota

Nota

Conteúdo desenvolvido em parceria com World’s Largest Lesson

Para aprofundar cada um dos ODS e aprender mais sobre os objetivos acionáveis, confira os links listados na seção Recursos.

Recursos