Dar uma mão para o financeiro

Objetivos de aprendizagem

Após concluir esta unidade, você estará apto a:

  • Identificar as principais características da fatura.
  • Explicar como o Salesforce Billing simplifica a abordagem tecnológica à geração de faturas rápida e precisa.

O sucesso do cliente também é o seu sucesso

Pode ser que você já tenha ouvido algo assim de nós – talvez em todas as nossas apresentações, logo depois do premiado slide da Declaração sobre o futuro. (Falando sério, esse slide não recebeu nenhum prêmio, mas gostamos de pensar que ele seria premiado se existisse algo do tipo.) O que a nossa história no mercado nos ensinou é que, se você oferecer uma experiência que simplesmente funcione, há grandes chances de converter o cliente em seu defensor. 

E é uma via de mão dupla: se a equipe do financeiro recebe as ferramentas certas para facilitar a vida dela, é mais provável que as adote e confie no processo implantado por você, mesmo se isso significar uma mudança. Esse é um dos objetivos do Salesforce Billing quando se trata de eliminar o abismo entre vendas e finanças.

Criação de faturas

Vamos dar uma olhada na criação de faturas e ver como esse conceito se aplica. O Salesforce Billing deixa à mão muitos recursos que permitem faturar os clientes do jeito certo, na hora certa. Aqui estão alguns dos nossos preferidos.

Faturamento único
A possibilidade de enviar faturas manualmente.
Faturas recorrentes
A possibilidade de automatizar faturas que atendam a determinados critérios. É ideal para interações comuns relacionadas a transações.
Faturamento variável/Planos de faturamento dinâmico
Para necessidades de faturamento que não seguem frequências padronizadas, como a cobrança por marcos ou aceitação de projeto.

Caso queira saber mais o funcionamento dessas opções e de outros recursos de faturamento, confira a documentação de Ajuda e treinamento. Dito isso, aqui os principais fatores são flexibilidade e controle. Se o mundo das finanças tivesse algum dilema existencial, certo que seria esse.

Oferecemos uma plataforma que permite ao financeiro trabalhar com as áreas de vendas e operações no processo perfeito para a criação de pedidos e faturas. E você ainda tem o controle quando se trata de garantir a receita.

Conversão simplificada do pedido em fatura

Falando em plataformas, vamos demonstrar como isso fica do ponto de vista tecnológico. Aqui estão alguns cenários que realmente mostram como o Salesforce Billing se diferencia das outras tecnologias do mercado.

Os processos tradicionais de cotação e cobrança são administrados em silos, e as áreas de vendas e finanças tendem a passar por uma transferência de dados complicada para fins de reprocessamento.

No ciclo de vida tradicional da receita, a área de vendas fica de um lado e a de finanças de outro, cada uma com o respectivo sistema isolado. Toda a interação com o cliente e os possíveis dados financeiros seguem o ciclo de vendas e, de repente, chegam a um beco sem saída. Existe um risco muito concreto de erro e confusão no processo quando você tenta transmitir as informações, reprocessar os dados, recalcular valores proporcionais e preços, e assim por diante.

O que acontece quando você tenta introduzir mudanças através de negócios recorrentes? Talvez você queira mexer nos serviços. Talvez queira transformar totalmente como chega ao mercado. O processo entra em colapso.

Os dois lados desse sistema tradicional são separados por uma fronteira tênue e o cálculo de valores proporcionais aumenta a complexidade, mostrando como o modelo de negócios recorrentes rompe com o tradicional ciclo de vida da receita.

Agora, pense em acrescentar um sistema de cobrança terceirizado. Trata-se de ainda mais complexidade, mais silos, mais riscos, exatamente o oposto do que você está tentando fazer.

Esses são apenas alguns exemplos. Conversando com nossos clientes, porém, vimos muitos casos que correspondem ao que descrevemos aqui. São esses os grandes desafios que queremos resolver com nossa solução de cobrança. Com o Salesforce CPQ e Billing, todo o envolvimento com o cliente pode ser gerenciado no Salesforce, enquanto o sistema financeiro interno de registro é gerenciado no ERP. Afinal, o C de CRM significa “cliente” e o E de ERP significa “empresa”.

O Salesforce CPQ e o Salesforce Billing oferecem uma experiência unificada numa plataforma só.

Utilizando nossa plataforma, há um único ponto de precificação para fazer os cálculos, um processo contínuo para a transação e um envio integrado para as áreas de contas a receber e relatório. Em um instante, muito do caos associado aos novos cálculos e à duplicação desaparece, os dados fluem mais rápido entre os pontos do ciclo de vida da receita e você consegue se concentrar na execução do pedido.

Nota

Nota

Esta é uma das formas que o Salesforce CPQ e o Salesforce Billing trabalham com o ERP. Dependendo das suas necessidades, pode ser melhor deixar o faturamento e a organização dos pagamentos com o ERP, por exemplo. Analisaremos os diversos modelos de implantação em outra unidade. O mais importante é entender que você terá uma experiência unificada, com um sistema de envolvimento e transações integradas, e o financeiro não precisará se preocupar com as complexidades dos preços, as regras de preços e assim por diante.

Mas espere um pouco, ainda não acabou

O Salesforce Billing ainda vai dar muito o que falar. Por ora, esperamos que você saiba que, quando falamos de transformar seus relacionamentos tanto interna quanto externamente, transformar os processos e tecnologias da empresa, e lhe oferecer uma plataforma para fazer isso, não estamos falando de fazer gambiarra!

Recursos

Continue a aprender de graça!
Inscreva-se em uma conta para continuar.
O que você ganha com isso?
  • Receba recomendações personalizadas para suas metas de carreira
  • Pratique suas habilidades com desafios práticos e testes
  • Monitore e compartilhe seu progresso com os empregadores
  • Conecte-se a orientação e oportunidades de carreira