Antes de começar

Objetivos de aprendizagem

Após concluir esta unidade, você estará apto a:
  • Determinar se você tem as habilidades necessárias para concluir este módulo.
  • Criar um objeto personalizado necessário.
  • Configurar sua organização para o desenvolvimento de componentes do Lightning.

Antes de começar esse módulo

Nós sabemos. Você mal pode esperar para começar. E não queremos acabar com o entusiasmo de ninguém pelos componentes do Lightning ou pelo Trailhead! Mas antes de começar a trabalhar nesse módulo, temos algumas coisas que você deveria fazer. Sugerimos que elas sejam feitas antes de você planejar começar as próximas unidades para evitar erros de objetos ausentes ou desperdiçar seu tempo de outras formas.

A primeira coisa a fazer é discutir o recurso Meu domínio. O recurso Meu domínio é obrigatório para desenvolver com os componentes do Lightning, além de ser um recurso bem legal de considerar para sua organização de produção. Também vamos criar um objeto personalizado necessário, o objeto Despesa, em sua organização.

Por fim, precisamos conversar para saber se você quer continuar com este módulo. Ninguém gosta de ser excluído, mas a verdade é que esse módulo não é para qualquer um. Então gostaríamos de falar um pouco sobre para quem este módulo é, e sobre as habilidades necessárias para completá-lo.

Sabemos que isso faz parecer que estamos diminuindo sua empolgação. Detestamos isso tanto quanto você. Mas queremos respeitar seu tempo. Se este não for o módulo certo para você, vamos indicar uma parte diferente do Trailhead, para que seu tempo conosco seja divertido e desafiador, sem ser frustrante.

Nota

Nota

A partir da versão Spring ‘19 (API versão 45.0), é possível criar componentes do Lightning usando dois modelos de programação: o modelo de componentes Web do Lightning e o modelo original de componentes do Aura Os componentes Web do Lightning e os componentes do Aura podem coexistir e operar em conjunto em uma página. Este conteúdo aborda os componentes do Aura. Para mais informações sobre os componentes Web do Lightning, confira Apresentação dos componentes Web do Lightning.

O recurso Meu domínio já está no Trailhead Playground

Por padrão, o recurso Meu domínio já está ativado em cada Trailhead Playground. Não tente ativar o recurso Meu domínio ou alterar suas configurações no Trailhead Playground. A alteração das configurações do Meu domínio pode bloquear sua organização do Playground.

Nome do Meu domínio destacado em um URL do Trailhead Playground

Na sua organização de produção, o recurso Meu domínio permite que você crie um subdomínio exclusivo para sua organização. Se a URL de login da sua organização contiver sua instância do Salesforce, como https://na17.salesforce.com, a implantação de um Meu domínio a substituirá pela URL de login específica da sua empresa, como https://mydomainname.my.salesforce.com.


O Meu domínio é necessário para criar componentes personalizados do Lightning e configurar o login único (single sign-on, SSO) em uma organização. É tão importante que todas as organizações de produção, Developer Edition e teste criadas na organização Winter ' 21 mais tarde ganham um Meu domínio por padrão. Para saber como ativar o Meu domínio na sua organização de produção, consulte o módulo Autenticação de usuário. Para saber mais sobre o recurso Meu domínio e seu Trailhead Playground, confira este artigo do Knowledge

Definir o objeto personalizado de despesa

Muitos dos exemplos que vamos usar neste módulo dependem de um objeto de Despesa personalizado. Você aproveitará ao máximo este módulo se adicionar esses exemplos à sua organização e se os experimentar por si próprio. As referências a sObjects são validadas ao salvar e, se algum objeto não estiver definido, o componente é inválido. O Salesforce não vai deixar você salvar um componente que ele sabe que é inválido. Vamos criar o objeto de Despesa já no início, para que você não tenha nenhum problema ao compilar e salvar um código que dependa dele.

Estamos assumindo que você já sabe como criar um objeto personalizado, mas aqui estão algumas instruções breves e os detalhes do objeto de Despesa e de seus campos.

  1. Vá para o Gerenciador de objetos. Em Configuração, na parte superior da página, clique em Gerenciador de objetos.
  2. Crie o objeto personalizado. Selecione Criar | Objeto personalizado.
  3. Defina o objeto de Despesa. Digite os valores a seguir para a definição do objeto.
    Campo Valor
    Label (Rótulo) Despesa
    Rótulo plural Despesas
    Começa com um som de vogal verificado
    Nome do objeto Despesa
    Aceita o padrão para o resto da definição de objeto.
  4. Adicione campos personalizados ao objeto de Despesa. Vá para a seção de Campos e Relacionamento da página de detalhes do objeto. Para cada um dos campos a seguir, clique em Novo e defina o campo com os detalhes a seguir.
    Tipo de campo Rótulo do campo Nome do campo Propriedades (caso contrário, aceitar padrões)
    Número Amount (Valor) Amount (Valor) Tamanho: 16, Casas decimais: 2
    Texto Cliente Cliente Tamanho: 50
    Data Data Data
    Caixa de seleção Reembolsado Reembolsado

Habilidades necessárias para concluir este módulo

Uma das melhores coisas do Salesforce é o quanto ele pode ser personalizado usando o aplicativo. Personalize objetos e campos, fórmulas, fluxos, relatórios, aprovações e até mesmo a própria interface de usuário – tudo isso e muito mais pode ser feito a partir da Configuração, sem escrever nenhuma linha de código, deixando seus usuários muito felizes.

Mas alguns recursos do Salesforce precisam de código, e a estrutura de componente do Lightning é um deles. Não tem escapatória: para ser bem-sucedido com os componentes do Lightning, é preciso saber ler e escrever código. Vamos ver bastante sobre código neste módulo, e você terá que escrever um tanto por conta própria para ultrapassar os desafios.

Especificamente, achamos que:

  • Você deve ler e escrever em JavaScript com algum conforto. Apesar dos componentes do Lightning também usarem marcação em estilo HTML, qualquer coisa além de “hello world” precisa do JavaScript. Existem inúmeros recursos, gratuitos ou não, para aprender o código JavaScript. Recomendamos começar com o JavaScript do Jeito Certo. Mas se algum amigo ou colega tiver uma recomendação ou um livro que possa emprestar, vá em frente!
  • Seria ótimo se você soubesse Apex. Ler e escrever dados do Salesforce normalmente usa Apex, e é isso que vamos aprender neste módulo. Você pode passar os desafios deste módulo sem ser um guru do Apex, mas quando for escrever aplicativos reais você vai escrever bastante de Apex. O módulo Banco de dados e noções básicas do Apex é um ótimo jeito de começar com o Apex, e vai dar a você todo o necessário para este módulo.
  • Se estiver vindo dos componentes do Lightning do Visualforce, não se esqueça de acrescentar a trilha Aplicar habilidades do Visualforce aos componentes do Lightning à sua lista de tarefas. Os componentes do Lightning têm algumas diferenças que, muitas vezes, passam uma rasteira nos desenvolvedores do Visualforce. O mais importante é: são muitos emblemas a mais, e todos eles juntos são mais fáceis do que este aqui.

Caso essa lista não descreva você, saiba que não queremos deixá-lo de fora. Não é impossível concluir este módulo sem as habilidades anteriores. Mas achamos que vai ser frustrante. E mesmo que você ganhe o emblema – o que é muito legal! – não vai estar realmente pronto para usar os componentes do Lightning para escrever aplicativos.

Queremos que o Trailhead seja divertido, e queremos que ele ajude as pessoas a usarem o Salesforce de forma mais completa e com mais confiança. Programadores experientes vão aprender bastante com este módulo. Mas se arrastar por ele sem os conhecimentos de programação necessários pode não ser o melhor uso do seu tempo no Trailhead.

OK. Agora que já falamos disso, vamos nessa para começar a aprender!

Recursos